Capa do Livro O Cortiço - Mário de Andrade

O Cortiço - Mário de Andrade

721 palavras · 4 minutos tempo de leitura Literatura Brasileira Ficção Científica e Fantasia Poesia Romance

Ei! Você também adora ler sempre que pode? Descubra o poder do Kindle!

O Cortiço - Mário de Andrade: Uma Obra-Prima da Literatura Brasileira

Se você é um amante da literatura brasileira, certamente já ouviu falar do livro O Cortiço, escrito pelo renomado autor Mário de Andrade. Publicado em 1890, este romance é considerado uma obra-prima da literatura brasileira e tem sido estudado e apreciado por leitores de todas as idades e nacionalidades.

Neste texto, vamos apresentar uma análise completa do livro O Cortiço e mostrar por que esta é uma leitura obrigatória para todos os amantes da literatura. Vamos explorar os principais temas, personagens, estilo de escrita e contexto histórico em que o livro foi escrito.

Contexto Histórico

Para entendermos melhor o livro O Cortiço, é importante conhecermos o contexto histórico em que ele foi escrito. Na época em que Mário de Andrade escreveu a obra, o Brasil passava por profundas transformações sociais, políticas e econômicas. A abolição da escravatura em 1888 e a proclamação da República em 1889 foram eventos que mudaram radicalmente a estrutura social do país.

O Cortiço é um retrato fiel da vida urbana na cidade do Rio de Janeiro no final do século XIX. O livro mostra como as pessoas viviam em cortiços, habitações coletivas, que eram comuns na época. Nestes lugares, as pessoas de diferentes classes sociais conviviam em espaços apertados e insalubres, em condições precárias de higiene e saúde.

Personagens

O Cortiço é um livro que apresenta uma grande variedade de personagens, cada um com suas próprias características e histórias de vida. O protagonista da história é João Romão, um português ambicioso e trabalhador que começa como um simples vendedor de lenha e acaba se tornando o dono de um grande cortiço. João Romão é um personagem complexo, que tem muitas qualidades, mas também muitos defeitos. Ele é um empresário bem-sucedido, mas também é ganancioso e egoísta.

Outros personagens importantes do livro incluem a lavadeira Bertoleza, que é escrava liberta e se envolve em um relacionamento complicado com João Romão; Jerônimo, um trabalhador honesto e trabalhador que se apaixona por Rita Baiana, uma mulher bonita e sedutora que trabalha como prostituta; e Piedade, uma jovem ingênua e doce que é explorada pelo marido e acaba se envolvendo em um caso com um dos moradores do cortiço.

Temas

O Cortiço é um livro que trata de muitos temas importantes e relevantes para a sociedade brasileira. Um dos principais temas abordados no livro é a luta de classes. O livro mostra como as pessoas de diferentes classes sociais conviviam em um mesmo espaço e como isso gerava conflitos e tensões.

Outro tema importante do livro é a questão racial. O livro apresenta personagens negros e mestiços que são vítimas de preconceito e discriminação. Bertoleza, por exemplo, é uma personagem que sofre muito por ser negra e escrava liberta. Ela é explorada e maltratada por João Romão, que a usa como um objeto de sua ambição.

O livro também trata de temas como a sexualidade, a violência, a corrupção e a hipocrisia. O Cortiço é uma obra rica e complexa, que aborda questões importantes e relevantes para a sociedade brasileira.

Estilo de Escrita

O estilo de escrita de Mário de Andrade em O Cortiço é marcado pela linguagem coloquial e pela descrição detalhada dos personagens e ambientes. O autor utiliza uma linguagem simples e direta, que faz com que o leitor se identifique facilmente com os personagens e suas histórias.

A narrativa é fluida e envolvente, e o autor utiliza recursos como a ironia e o humor para criticar a sociedade da época. Mário de Andrade também utiliza a técnica do realismo, que consiste em retratar a realidade de forma objetiva e precisa, sem idealizações ou romantizações.

Conclusão

O Cortiço é uma obra-prima da literatura brasileira, que retrata de forma fiel e realista a vida urbana na cidade do Rio de Janeiro no final do século XIX. O livro apresenta personagens complexos e interessantes, que representam diferentes classes sociais e raças, e trata de temas importantes e relevantes para a sociedade brasileira.

A escrita de Mário de Andrade é fluída e envolvente, e o autor utiliza recursos como a ironia e o humor para criticar a sociedade da época. O Cortiço é uma leitura obrigatória para todos os amantes da literatura brasileira, e certamente irá cativar e emocionar os leitores com suas histórias e personagens marcantes.

Você pode buscar seu livro direto na Amazon clicando aqui.

Melhores preços na Amazon

Compre agora na Amazon com os melhores preços